Desculpe.
Não foi possível atualizar o item da Lista de desejos no momento.

Tubarões e arraias – Disney Animals

Tubarão marrom nadando próximo à borda do recife de corais

Epcot

Future World

Os visitantes podem ter

qualquer altura

Conteúdo de interesse para

Todas as idades

Acessibilidade e outras informações | Abre uma caixa de diálogo

Acessibilidade

  • Pode permanecer na cadeira de rodas/ECV

Interesses

Encontros com Animais

Mergulhe em um mundo aquático fascinante, aprecie da superfície ou nade ao lado de tubarões e arraias vivas!
Tubarão-touro nadando entre corais

Onde procurar tubarões e arraias

Fique por dentro de tudo sobre tubarões no Walt Disney World Resort, onde você pode ver várias espécies de tubarões e arraias de pertinho!

Tubarões e arraias no Walt Disney World Resort
Venha se encantar com estes moradores primitivos e fascinantes das águas profundas do imenso aquário na The Seas with Nemo & Friends, no Epcot. Aqui, você encontrará tubarões-bambu, além das espécies touro, tigre, de-focinho-negro e corre-costa, além de arraias-pintadas. Pronto pra se aventurar? Vista o equipamento de mergulho e nade ao lado de tubarões e arraias, além de milhares de outras espécies, como parte da experiência Epcot Seas Adventures – DiveQuest. Ou explore as mesmas águas com snorkel na Epcot Seas Adventures – Aqua Tour.

Tubarões e arraias na natureza
Existem mais de 1.200 espécies de tubarões e arraias, que podem ser encontradas em uma grande variedade de habitats aquáticos em todo o mundo. A maior parte das espécies de arraias, e alguns tubarões, como o tubarão de pontas negras do recife, prefere águas quentes e rasas, e recifes de corais. Espécies como o tubarão-azul vivem em mar aberto, enquanto outras, como os da família Orectolobidae, preferem rondar o solo oceânico. Arraias do Atlântico e o tubarão-touro podem viver em água doce e salgada. Já foram encontrados tubarões-touro 1.700 milhas (2.800 km) rio Mississippi adentro!

Ameaças a tubarões e arraias
A International Union for Conservation of Nature (IUCN) estima que 24% das espécies de tubarão e arraias do mundo estão ameaçadas de extinção. Os humanos matam intencionalmente uma estimativa de 100 milhões de tubarões por ano em busca de sua barbatana e carne, e acidentalmente, por pesca comercial de outros peixes. Os humanos também são responsáveis pelo declínio de arraias, tanto intencional quanto acidentalmente.

Esforços de preservação da Disney
A Walt Disney Company está intensamente comprometida com a conservação de várias espécies de animal e seus habitat naturais. Descubra o que a Disney está fazendo pelos tubarões – e como você pode ajudar!

Uma arraia nadando

Preservação da Disney: Salvando os tubarões e arraias

Muitas espécies de tubarão estão enfrentando sérios declínios de população, como seus primos - arraias e quimeras.

Pesca predatória de tubarões
O declínio global em fontes de pesca tradicionais vem aumentando a demanda pela carne e por produtos derivados de tubarões. Como consequência, há uma expansão da pesca industrial em todos os oceanos do mundo. A pesca de arraias também ocorre de maneira intensiva e, em muitos mercados, elas são oferecidas como substitutos a peixes.

Tubarões e arraias são animais com crescimento e reprodução lentos, sendo extremamente vulneráveis à pesca predatória; suas populações desgastadas podem levar anos ou até décadas para se recuperarem. As fêmeas do cação-de-espinho precisam chegar a quase 20 anos de idade antes de poderem se reproduzir, e possuem um dos ciclos de gestação mais longos do mundo animal: 24 meses!

Barbatanas de tubarões e outras ameaças
A remoção da barbatana do tubarão, prática particularmente dissipadora, ocorre quando as barbatanas são tiradas e o resto do tubarão simplesmente é descartado. A barbatana é usada para fazer sopa, considerada uma iguaria em alguns países e vendida por até US$ 150 por tigela. Felizmente, a procura por barbatanas de tubarões vem sendo drasticamente reduzida como resultado da atenção da mídia e regulamentações mais restritivas.

Tubarões e arraias são ameaçados pela perda do habitat e por embarcações de pesca comercial em busca de outros peixes (pesca acidental). Arraias são caçadas para criar imitação de vieiras, para uso em ferramentas e joias e pelo rastro branquial, valorizado em alguns mercados como cura para tudo, de catapora a câncer.

A Disney está ajudando tubarões e arraias na natureza
Muitas das mais de 1.200 espécies de tubarões e arraias que habitam as águas marinhas e doces em nosso planeta estão à beira da extinção. O Disney Conservation Fund está ajudando a reverter o declínio das populações de tubarões e arraias que estão sob maior risco de extinção, promovendo sua proteção e recuperação. Nós apoiamos programas que ajudam a ampliar a conscientização, proteger habitat críticos e transformar a pesca, o comércio e a demanda predatória de tubarões e arraias ao nível sustentável.

Tubarão marrom nadando próximo à borda do recife de corais

Tubarões e arraias possuem um lar na Disney

O imenso habitat de água marinha na The Seas with Nemo & Friends, no Epcot, é um complexo e dinâmico lar submarino.

Habitat submarino rico
O habitat de tubarões e arraias com quase 6 milhões de galões (22.000 metros cúbicos) no The Seas está em constante mudança, devido aos vários peixes e tartarugas marinhas que vivem ali. Isso cria oportunidades infinitas para tubarões, arraias e todos os nossos animais marinhos explorarem o ambiente; e o recife de corais permite que eles nadem, se reproduzam e se escondam em uma área mais escura e protegida.

Amigos, não comida
Todos os tubarões do The Seas são alimentados bem cedo pela manhã, antes de as luzes da atração principal serem acesas. Apenas uma única lâmpada muito forte brilha na água, indicando aos animais o caminho até um local específico na superfície para serem alimentados. Eles são alimentados com o uso de grandes pinças, com uma dieta equilibrada de filés de salmão, bonito, cavala e arenque. As arraias se alimentam em uma experiência mais intimista. Mergulhadores as treinaram para tocar seus focinhos em um alvo específico embaixo d'água; ao fazerem isso, são imediatamente recompensadas com mariscos, camarões e pequenos pedaços de peixes.

O treinamento de tubarões e arraias para que se alimentem em um mesmo local permite que os mergulhadores os inspecione visualmente de perto, regularmente e com segurança, assegurando a saúde de cada animal e a alimentação com a quantidade correta de alimento.

Uma arraia nadando

Tubarões e arraias são incríveis!

Como predadores, tubarões e arraias têm uma função importante na manutenção de oceanos saudáveis.

Alimentos para tubarões
Os tubarões estão entre os principais predadores do mar, mas suas presas podem variar muito. Os menores podem se alimentar de plâncton e pequenos animais marinhos, enquanto que os bentônicos comem crustáceos e moluscos. Alguns preferem presas maiores, como peixes, mamíferos marinhos e até mesmo outros tubarões. A maioria das espécies de tubarão possui um senso de oportunidade, e se alimenta de animais doentes e feridos. Assim, eles ajudam a manter o oceano saudável!

Arraias escavadoras
As arraias são muito inteligentes na forma como se alimentam! Elas usam suas “asas” e o focinho para sentir os movimentos da presa, e agitam a areia para descobrir mariscos, minhocas e crustáceos no fundo do mar. Sempre que caminhar ou flutuar em águas rasas, tome cuidado onde pisa, pois pode haver arraias enterradas! Ninguém gosta de ser pisado… Nem de ser picado por uma arraia!

De ponta
Os dentes de tubarões têm a mesma formação geral que os dentes humanos, mas com uma grande diferença – não têm raízes na mandíbula ou gengiva, mas, sim, são parte de uma membrana solta – que permite que os dentes caiam depois de uma mordida poderosa! Esses dentes são substituídos por fileiras adicionais reservas, quase como uma correia transportadora. A troca de dente pode ser rápida – de 2 a 8 dias – o que permite que alguns tubarões tenham até 30.000 dentes durante a vida toda!

Muitas arraias possuem placas dentais que crescem de maneira contínua no lugar de dentes, o que permite que esmaguem as conchas duras de mariscos e ostras. Diferentemente da maioria dos peixes, a mandíbula superior de arraias não é fundida com o esqueleto, o que permite que as bocas delas possam ser estendidas, criando uma sucção para capturar presas. Algumas arraias, como a arraia-águia, possuem focinhos pontiagudos altamente desenvolvidos para sentir movimento e “arrancar” do fundo do mar mariscos e moluscos, sua dieta favorita.

De onde vêm os bebês?
Os “filhotes” de tubarão chegam ao mundo totalmente desenvolvidos, como versões de adultos em miniatura, mas chegam de 3 maneiras muito diferentes! Os tubarões-zebra são ovíparos, liberando seus ovos fertilizados no mar em “bolsas de sereia”, com gema suficiente para alimentar o embrião até o nascimento. Outros, como os tubarões-de-focinho-negro e os marrons são vivíparos, produzindo embriões que se desenvolvem internamente e são alimentados pela placenta até que os filhotes possam nascer. Os tubarões-touros são ovovivíparos, retendo os ovos fertilizados dentro do corpo. Em algumas espécies ovovivíparas, o comportamento do predador começa cedo - quando a gema do ovo acaba, o embrião principal come os outros!

Arraias também se reproduzem por ovoviparidade; os embriões absorvem os nutrientes de uma gema e, depois de terminada, a mãe fornece um nutritivo “leite” uterino. Após uma gestação de 2 a 11 meses, dependendo da espécie, nasce uma ninhada de até 10 “filhotes” grandes!

Adaptações especializadas
O fígado de um tubarão ocupa até 90% da cavidade abdominal e tem duplo objetivo – armazenar óleos e ácidos graxos para energia e ajudar a manter a "flutuabilidade natural" (não flutuar muito nem afundar demais). O som se propaga 4,5 vezes mais rápido pela água do que pelo ar, e tubarões usam o som como o meio principal para detectar presas, sendo atraídos por sonoridades de baixa frequência e pulsante emitidas por animais doentes e feridos. Mas tubarões também possuem uma excelente visão noturna e podem enxergar a grandes distâncias. Seu olfato é tão apurado que eles são capazes de detectar sangue (até uma parte por bilhão) a centenas de metros de distância.

Camuflagem
Assim como os tubarões, arraias geralmente possuem uma coloração sombreada especial, em que a parte superior do corpo é mais escura do que a inferior. Esse efeito cria um tipo de camuflagem; ao ser vista de cima, a parte superior mais escura se confunde com a profundeza dos oceanos. Ao ser vista de baixo, a cor clara se confunde com a superfície mais clara da água. Algumas arraias possuem pintas ou coloração irregular na parte superior, permitindo que sejam ainda mais eficazes na fusão com sedimentos naturais do oceano.

Ataques de tubarão
Os ataques a humanos são extremamente raros, mas como você pode reduzir o risco?

  • Nade em grupo e fique perto da praia
  • Evite áreas entre bancos de areia e despenhadeiros profundos
  • Evite usar roupas muito coloridas, joias brilhantes ou entrar em águas escuras
  • Evite nadar no crepúsculo ou à noite (os tubarões têm excelente visão noturna).
  • Evite as áreas usadas pelos pescadores ou lugares onde as aves marinhas estão mergulhando
  • Mantenha os animais fora da água e evite espirrar muita água
  • Não nade com cortes abertos ou feridas

Tubarão marrom nadando próximo à borda do recife de corais

Você também pode ajudar tubarões e arraias

O que você pode fazer para proteger tubarões, arraias e seus habitats marinhos? A resposta é: mais do que você acredita!

Evite comprar qualquer produto de tubarão e arraia, incluindo sopa de barbatana, pílulas de cartilagem de tubarão e souvenirs, como mandíbulas e dentes de tubarão e joias criadas usando ferrão de arraias. Escolha frutos do mar sustentáveis e coma com responsabilidade, para garantir que as populações de tubarão não sejam exploradas. As arraias-águias são muito avistadas perto da superfície, e ocasionalmente saltam para fora da água; para ajudar na proteção dessas criaturas magníficas, seja extremamente cauteloso ao navegar perto de seus habitats.

Reduza o lixo!
Quando sair de um barco, traga todo o lixo de volta para terra e elimine-o corretamente. Os tubarões podem ficar presos nas redes de pesca, armadilhas e qualquer outro detrito, e geralmente confundem lixo com comida. E lembre-se de que tudo acaba escoando para o mar!

Visite os sites a seguir para descobrir como a Disney está criando um mundo mais seguro para tubarões, arraias e seus habitats, e como você também pode fazer a diferença.

Nadando com tubarões e arraias na Disney

 

"Aprendi com o mundo animal e o que todos que estudarem vão aprender também, é um sentido renovado de parentesco com a Terra e seus habitantes." – Walt Disney

Horário

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

  • Das às
Início do conteúdo da dica de ferramenta Fim do conteúdo da dica de ferramenta
  • Para obter ajuda na sua visita ao Walt Disney World, ligue para +1 (407) 939-5277.
  • Das 7h às 23h no horário da costa leste dos Estados Unidos. Os menores de 18 anos devem ter permissão dos pais ou responsável para ligar.
Links de rodapé

Inscrever-se para atualizações

Seja o primeiro a saber das últimas notícias e ofertas especiais do Walt Disney World Resort.

Inscrição bem-sucedida

Obrigado por se inscrever! Você deve começar a receber notícias e ofertas especiais muito em breve.

Powered By OneLink